Aracanguá tem morador com 105 anos

O mês de novembro é especial para a família do aposentado Manoel José de Deus, que completou 105 anos de idade no último dia 9. E o município escolhido pela família para ele passar esta fase da vida é Santo Antônio do Aracanguá. A cidade tem população estimada de 8.285 habitantes, segundo o IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) e experiência no atendimento a pessoas com mais de 100 anos. De acordo com a Secretaria Municipal de Saúde, no início deste ano morreu outro morador antigo, também com 105 anos de idade.

A dona de casa Maria Vilani de Deus Silva, 72 anos, filha de José de Deus, conta que ele nasceu no Estado do Ceará e mudou-se para São Paulo há muitos anos. Pai de três filhas, durante muito tempo ele trabalhou em fazendas na região de Araçatuba, em municípios como Clementina, Santópolis do Aguapeí e também em Aracanguá. Com idade já avançada, ele foi morar em Campinas com a esposa, que completaria 99 anos de vida em setembro deste ano, mas morreu em julho, após sofrer uma queda.

“Foi muito difícil ficar sem a minha mãezinha”, comenta Maria Vilani. Ela conta que quando a mãe morreu, José de Deus já morava em Santo Antônio do Aracanguá havia três anos. Apesar de não sofrer de nenhum problema crônico de saúde nem tomar medicamentos de uso constante, ele passa praticamente todo o tempo na cama. Segundo a filha, antes ele já se locomovia com a ajuda de um andador, devido a problemas de circulação e dores nos joelhos. Porém, sofreu um corte em um dos pés, que não cicatriza. Desde então, Maria Vilani mudou-se de Campinas para Santo Antônio do Aracanguá e ajuda a outra irmã, Antônia dos Santos Ito, 70, a cuidar do pai. “Escolhemos a cidade porque ele sempre gostou muito daqui”, diz.

About the author: bomdiasp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *