Justin Bieber é “Letra” da Vez Top no Spotify com Luis Fonsi em Despacito

Despacito tem Justin Bieber e vira novo fenômeno.

Luis Fonsi, o porto-riquenho no topo do Spotify.











A receita nem parece especial, mas de alguma forma, deu certo!
Violão com sotaque latino sem brilho, timbres e macetes genéricos de pop radiofônico, um suingue reggaeton baixos teores, versos de sensualidade pouco inspirada em espanhol na voz de um megastar para dar o ares internacional.

Desde janeiro, a canção Despacito, do porto-riquenho Luis Fonsi e participação de Daddy Yankee não para de bater recordes.

Em janeiro, tornou-se o vídeo em língua espanhola com 5,4 milhões visualizações, mais visto na história da Vevo.
Já o remix que conta com o reforço de Justin Bieber, a música chegou à primeira posição do ranking das mais tocadas no Spotify.




No Youtube o remix foi a maior estreia do ano.

O serviço de streaming registra outros dados impressionantes a respeito da canção. “Despacito” está no Top 20 de pelo menos 14 países que não falam na língua espanhola, como Estados Unidos, Suécia, Alemanha, Dinamarca e Noruega. Mais de 10 milhões de usuários salvaram a música em suas playlists.

A popularidade de Fonsi também cresceu vertiginosamente, de 2 milhões de ouvintes mensais para 22 milhões. O segredo do sucesso de “Despacito” talvez esteja em sua “superficialidade”.




A sensualidade dos versos não vai além (em inspiração ou ousadia) do “quero despir você com beijos lentamente”. O ritmo do reggaeton aparece esvaziado de sua crueza agressiva (apelo central dessa música de periferia, no que se assemelha ao funk carioca). O violão latino soa como reprodução pálida de outros tantos usados antes por Shakira ou Ricky Martin.

Mas enfim, deu certo, está bombando geral e deixando os produtores mais exigentes com a pulga atrás da orelha!
Solta o som Dj…

About the author: bomdiasp

Related Posts